close

Ela faz toda diferença no ambiente, confira as dicas que podem ajudar na hora de escolher a que melhor se encaixa à sua casa

Por Adriana Mattos Dipe Garcia – Arquiteta

@adrianadipearq

 Um bom projeto de decoração está, invariavelmente, ligado a um bom plano de iluminação. E, para pensá-lo adequadamente, é essencial ter o “layout” de cada ambiente e determinar claramente o objetivo do espaço. Com esses pontos definidos é possível saber o que e como iluminar de forma funcional e bonita.

O posicionamento das luminárias deve ser pensado de acordo com a decoração, sempre levando em conta o aspecto funcional do cômodo. É importante descobrir o tipo ideal de lâmpada para o efeito de iluminação desejado e o posicionamento ideal que ela deve ter.   As características do produto devem atender às necessidades do ambiente. Sendo assim, separei algumas dicas úteis que podem ajudar na hora da escolha.

tumblr_nya1wniMFm1tbwl85o1_1280
Na cozinha, é preciso enxergar com precisão os alimentos. Por isso, iluminar as bancadas
de trabalho é o ideal. Lembre-se sempre de evitar pontos de sombra.

sala_estar
Na Sala de Estar ou TV, por ser um ambiente que atende a
diversas situações, o ideal seria ter vários tipos de iluminação,
como: luz central, indiretas e complementares. O interessante
também é o uso de um dimmer, para controlar a intensidade
de luz de acordo com a necessidade.

Quarto-pequeno-Arandelas
No quarto, a luz uniforme e indireta é a que dá melhor resultado. Sancas de gesso ou mesmo um
lustre, jogando a luz pro teto, traz aconchego para este ambiente, mas pense também em um abajur
para leitura ou pendentes instalados acima dos criados-mudos.

tumblr_nribttE2jT1tbwl85o1_1280
No escritório a iluminação deve ser focada em alguns pontos: nos livros e estantes e na mesa
de trabalho. Mas também é preciso evitar o ofuscamento. Lâmpadas refletoras, por exemplo,
podem incidir sobre a tela do computador e deixar o ambiente mais cansativo.

img_projeto_sala_almoco_13-1024x679
Se você gosta de brincar com diferentes cenas de iluminação, a sala de jantar é o melhor lugar. Algumas opções de cena são: lustre pendente central em cima da mesa, embutidos no gesso com iluminação focada para quadros ou paredes, sancas de gesso, ou seja, varias iluminações para você usar de acordo com a necessidade.

iluminacaodeoitobanheiros-07
No banheiro a iluminação deve ser uniforme e intensa, principalmente na
bancada da pia. As lâmpadas refletoras devem ser evitadas a todo o custo
porque criam sombras no rosto. Para o banheiro são indicadas luminárias
com acrílico leitoso, vidro leitoso ou lâmpadas difusoras, como a fluorescente.

acesso
Áreas ao ar livre como jardins, terraços, varanda ou a própria fachada
da casa, devem ser igualmente bem iluminada. A iluminação para exteriores
é ideal para chamar a atenção para peças de decoração de jardim e também
por questões de segurança.

É importante pensar na quantidade de luz realmente necessária em cada cômodo. Muitos projetos exageram na quantidade de lâmpadas que, muitas vezes, focam em espaços que não precisariam de tanta luz e deixam escuros locais que deveriam ser mais iluminados. Por isso, um bom projeto de iluminação, compatível e coerente com seus ambientes, trariam mais conforto e satisfação.

Deixe um comentário